Por: Anderson Favero | 09/10/2017

Na última sexta-feira (6) ocorreu a assinatura de convênios para a compra de equipamentos para a nova ala do Hospital Regional Oeste. Segundo o secretário de Estado da Saúde, Vicente Caropreso, o HRO é um dos mais resolutivos do Estado. “Como nós estamos expandindo e investindo neste hospital para aumentar sua capacidade, trouxemos mais um dos que ainda estão por vir (convênios), este para equipar o Hospital. São recursos para equipamentos, a maioria destinada a área cirúrgica”, observa.

O convênio assinado pelo Governo do Estado é de R$7,2, tem os recursos destinados para a compra dos equipamentos para atender a ampliação do hospital, que irá aumentar em 60% a capacidade de atendimento.  A assinatura ocorreu durante visita do secretário de Estado da Saúde de Santa Catarina, Vicente Caropreso, e de comitiva do ministro da Saúde, Ricardo Barros, com autoridades federais e estaduais ao hospital.

Para o secretário de estado a saúde catarinense caminha para um novo modelo de gestão. O objetivo é que as macrorregionais se tornem cada vez mais autônomas. “O grande pensamento da secretaria de Estado da Saúde é que funcione bem esta proposta de autonomia macrorregional, para fazer com que em apenas raras situações tenham necessidade de se fazer longo deslocamento de pessoas. Esse é o caminho mais racional”, destaca.

 

Hospital Escola

A presença do Ministro da Saúde foi importante nesta assinatura de convênio, no momento em que o HRO busca recursos para conclusão da nova ala, e a expectativa para ampliação do quadro clínico. Barros afirmou que o Ministério já deu parecer favorável para a criação do Hospital Escola em Chapecó, segundo ele a matéria está agora no Ministério de Educação – MEC aguardando despacho.

O ministro caminhou pelas estruturas e afirmou que com a obra física concluída ele precisa funcionar. “Um prédio sem equipamentos não resolve nada. Percebo um grande esforço para oferecer serviço as pessoas em Chapecó”. Sobre a questão da hemodinâmica Barros frisou. “Dia 18 vai ser publicado o edital e então vocês terão um novo aparelho”.

 

Ampliação

A nova ala do Hospital Regional do Oeste de Chapecó está com aproximadamente 98% da obra física concluída. O novo bloco tem nove andares, irá aumentar a capacidade de atendimento com mais 156 novos leitos. O hospital contará com novos leitos para UTI Geral, UTI pediátrica, para o setor de coronária, salas cirúrgicas, leitos para tratamento intensivo de alta complexidade, para oncologia de longa duração, leitos para quimioterapia de curta duração e para recuperação pós-cirúrgica.

O investimento do Governo do Estado atualmente é de aproximadamente R$ 40 milhões na obra, sendo R$ 28,2 milhões de obra física, R$ 1,5 milhão no mobiliário com recursos do Badesc (em fase de instalação) e R$ 7,2 milhões em equipamentos nacionais (convênio).